Glossário – N

NÃO-CONFORMIDADE – 1. Estado ou condição de um sistema, processo, produto ou serviço em que há uma ou mais características não-conformes com a especificação ou outro padrão de desempenho ou inspeção. 2. Qualquer falha em atender às necessidades e/ou expectativas do cliente. 3. Qualquer desvio de especificação, documentação, método ou procedimento.

 

NECESSIDADES DO CLIENTE – Expectativas e desejos dos clientes em relação a um produto ou serviço.

 

NÍVEL ACEITÁVEL DA QUALIDADE – Número mínimo de partes que devem respeitar o padrão da qualidade, normalmente expresso em percentagem.

 

NÍVEL DE CONFIANÇA – Valor da probabilidade associado com um intervalo de confiança ou um intervalo de tolerância estatística, ou seja, probabilidade de que um determinado intervalo de confiança, calculado a partir de um valor amostral, contenha o verdadeiro valor da população.

 

NÍVEL DE INSPEÇÃO – Requisito de um esquema de amostragem que relaciona o tamanho da amostra com relação ao tamanho do lote.

 

NÍVEL DE QUALIDADE – Conjunto de parâmetros e requisitos que caracterizam a seletividade a ser aplicada ao sistema da qualidade de produtos e serviços, em função do estágio de desenvolvimento da tecnologia e da complexidade do projeto, da complexidade do processo de produção, das características do produto ou serviço, dos aspectos de segurança e economicidade.

 

NOMOGRAMA – Diagrama que tem por finalidade solucionar os mais variados cálculos e problemas, de forma gráfica, partindo de parâmetros conhecidos.

 

NORMA – Ponto de referência ou critério-padrão ao qual um sistema, processo, produto ou serviço deve corresponder.

 

NORMA DE OPERAÇÃO – Documento de caráter geral destinado a uniformizar uma determinada operação.

 

NORMA INTERNACIONAL – Norma adotada por um organismo internacional de normalização.

 

NORMA NACIONAL – Norma adotada por um organismo nacional de normalização.

 

NORMALIZAÇÃO – Processo de estabelecer e aplicar regras para abordar ordenadamente uma atividade específica para o benefício e com a participação de todos os interessado e, em particular, para promover a otimização da economia, levando em consideração as condições funcionais e as exigências de segurança e meio ambiente.

 

NÚMERO MÉDIO DE AMOSTRAS – Número médio de unidades de amostra por lote usado para tomada de decisões quanto à aceitação ou não-aceitação de uma população, lote, batelada ou partida.

 

NÚMEROS ALEATÓRIOS – Conjunto de números naturais que são gerados por um processo envolvendo um elemento de chance.

 

Voltar